Cranberry: a fruta poderosa

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+

Conforme prometido para nossos leitores preparamos um post especial sobre a fruta Cranberry, muito falada ultimamente em diversas matérias. A equipe do Nutrição Prática & Saudável conversou com a nutricionista Fernanda Granja sobre os benefícios, recomendação de consumo, origem, entre outros tópicos.

O consumidor pode encontrar diversas opções no mercado para consumir o Cranberry. Além da fruta fresca, esse ingrediente está presente em sucos concentrados, geléias, molhos, bebidas prontas, extrato ou em cápsulas.

A nutricionista Fernanda Granja* explica que o suco dessa poderosa frutinha é ótimo para o fígado, pois ajudar na detoxificação hepática e principalmente no tratamento de infecções do trato urinário seja na bexiga, próstata, sistema coletor (ureter) ou rins. Muitas mulheres que sofrem com esses problemas há anos conseguem se livrar deles apenas fazendo um consumo diário. Estudos também apontam que sua propriedade antioxidante ajuda na saúde das artérias prevenindo doenças cardiovasculares e melhorando os níveis de colesterol sérico.

Recomenda-se a ingestão de 500 mL de suco de Cranberry diariamente para aqueles que sofrem com doenças do trato urinário. Já para quem não possui essas enfermidades, mas deseja receber os benefícios da fruta e se prevenir, 300 mL são suficientes, complementa Fernanda.

Curiosidade

Pequena planta verde cheia de flores cor-de-rosa escuras, o Cranberry foi documentado primeiramente na América do Norte em 1621 pelos peregrinos. Os marinheiros da Nova Inglaterra costumavam comer Cranberries para evitar uma doença causada pela deficiência de vitamina C (escorbuto). Existem dois tipos do fruto Cranberry: Vaccinium oxycoccos, que cresce em terrenos pantanosos do norte da América do Norte, norte da Ásia, e Europa central; e a Vaccinium macrocarpon mais encontrada na região leste do Canadá (Newfoundland) até as Carolinas nos EUA.

*Fernanda Granja é nutricionista clínica especializada em nutrição funcional, nutrição pediátrica e fisiologia do exercício. Contato: (11) 3628-4350 | (11) 3259-7288 |  twitter @fegranja

 

Visite regularmente os profissionais de saúde e alimentação de sua confiança. Esse site possui conteúdo meramente orientativo e complementar.

26 ideias sobre “Cranberry: a fruta poderosa

  1. Minha esposa tem herpes e tomava remedios a muito tempo cer ca de 15 anos. Depois que ela começou a tomar esse suco melhorou muito a sua imunidade chegando ao ponto de para de tomar os remedios, ficando só com o suco dessa fruta excepcional. A quatro meses que nenhum sintoma da doenca apareceu. Consuma diariamente 300 ml do suco e voces verao que as mudanças serao notadas. OBS. GRIPE NUNCA MAIS.

  2. Fruta maravilha, estou livre dos sintomas crônicos de infecção urinária e quase nem acredito!!!. Sofri durante anos de cistite, antibioticos não adiantavam mais. O urologista receitou-me suco de cranberry em pó 2 x ao dia. Está sendo um verdadeiro milagre para mim!

  3. Cranberry é poderoso mesmo.
    Faz 3 anos que uso seu suco seguidamente e somente uma vez que fui acometida por infecção urinária, o que me acontecia até 4 vezes ao ano. Felizmente a Natureza é pródiga.
    Abraços.

  4. Boa Noite!!
    FERNANDA, GOSTARIA DE SABER SE O SUCO CRANBERRY ´E BOM PARA PRESSÃO ALTA ,POIS TOMEI PARA O COLETEROL FOI BOM. TBÉM QUERO SABER SE DA ARRITMIA OU SEJA O CORAÇÃO BATE NA GARGANTA….
    ESPERO SUA RESPOSTA
    OBRIGADA

    • Olá Hidelmira, sugerimos que você procure a orientação de um profissional para que ele possa orientá-la corretamente ou entre em contato com a nutricionista Fernanda Granja que entrevistamos para fazer esse post. O site dela é http://www.drafernandagranja.com/ Abraços ;)

  5. Tenho uma filha de 3 anos que ja teve 10 infecções de urina, acaba o antibiótico e ai começa tudo de novo. Estou desesperada pensando em tirá-la da escola e sair do serviço,já fui em varios medicos e especialista, o que fazer?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>